Texto de conclusão do ano

10:07 11 Comentários -


Pretendo começar esse texto com a verdade, apenas a verdade. Estou sentada com as pernas cruzadas de tanto mosquito me picando enquanto tomo aguá de coco as 02:58 da madrugada com o fundo sonoro de sirene de polícia e cigarra gritando (porque o barulho que faz não da para ser chamado de canto, definitivamente). Já chega, vou ligar o ventilador. Voltei! Venho aqui neste humilde post resumir o que foi o ano de 2017.

Começamos o ano cheios de expectativas, metas, sonhos e tudo mais. Porém, para mim já começou no estilo "Eu cheguei com tudo, cheguei quebrando tudo. Pode me olhar, apaga a luz e aumenta o som."  Meu ano veio tão revoltado com a própria existência que tudo era 8 ou era 80, nunca um meio termo, era coisa de sentar e chorar a cada merda que acontecia. Teve dias que eu cheguei a pirar, passava a noite toda chorando e as vezes tinha dias tão felizes que minhas bochechas doiam de tanto sorrir. Foi um ano marcado por perdas extremamente significativas na minha vida. Não tenho palavras que definam o quanto sofri, superei e aprendi a cada dia em que pensei não aguentar tudo de ruim que me machucava e doía.

2017 foi fazer novos amigos. foi mudar para uma turma totalmente nova no colégio. foi viver os piores e melhores momentos de um jeito louco, sem proporções de quando tudo ia bem demais ou tava tudo indo de mal a pior. foi pintar o cabelo de vermelho. não abandonar as amizades antigas.  reconquistar as pessoas importantes que se afastaram. foi entender o significado do motivo pelo qual o sol sempre aparece no dia seguinte. foi chorar tão intensamente quanto sorrir.  entender o quanto a nossa família significa. foi colocar mais alguns piercings. voltar a dançar diante das decepções da vida. ouvir música alta e fazer o mundo sumir junto com o que parecia não ter solução. foi desafiar os outros e a si mesmo. E de acordo com o edital, 2017 foi O Ano!

Me perdoe qualquer expressão ou algo que eu tenha dito que possa ter ficado confuso, tenho certeza que a essência você entendeu bem. Um Feliz Ano Novo!

11 comentários

Escreva comentários
5 de janeiro de 2018 18:24 Apagar

Olá, boa tarde!
Muito bom seu texto, você escreve extremamente bem.
2017 também foi um ano muito difícil para mim, tive uma perda muito dolorosa!
Mas enfim... Graças a Deus estamos bem, com saúde e a vida segue!
Beijos!

Responder
avatar
Nilton Alves
Autora
5 de janeiro de 2018 19:55 Apagar

Oi tudo bem?
Adorei seu post, 2017 não foi fácil pra ninguém. Foi um ano de perdas e conquistas. Deu muito bem para entender o que você quis passar com esse seu texto.

Um forte abraço.

Responder
avatar
6 de janeiro de 2018 01:24 Apagar

Oi Joyce!!
Adorei seu texto. Eu tive um 2017 melhor do que foi 2018. Minha família e eu tivemos alguns contratempos, mas aos poucos a gente vai colocando tudo no lugar.
Que 2018 seja melhor para todos nós!!
Bjs
https://almde50tons.wordpress.com/

Responder
avatar
6 de janeiro de 2018 07:32 Apagar

2017... é aninho danado...
Bem, todos nós tivemos perdas, dores e sofrimentos. Acho q, depois que ficamos mais velhos, passamos a perceber que viver é vencer estes momentos.
O texto é maravilhoso e, certamente, uma frase me marcou: "entender o significado do motivo pelo qual o sol sempre aparece no dia seguinte". Certamente, vou levá-la durante todo 2018.
E, já que este é um bom momento para ser melancólico, vou deixar a música mais linda que já vi, para ela nos dar força em mais um ano:
"Ando devagar porque já tive pressa
Levo esse sorriso porque já chorei demais
Hoje me sinto mais forte, mais feliz, quem sabe?
Só levo a certeza de que muito pouco eu sei
Eu nada sei.

Conhecer as manhas e as manhãs,
O sabor das massas e das maçãs,
É preciso amor pra poder pulsar,
É preciso paz pra poder sorrir,
É preciso a chuva para florir.

Penso que cumprir a vida seja simplesmente
Compreender a marcha e ir tocando em frente
Como um velho boiadeiro levando a boiada
Eu vou tocando os dias pela longa estrada eu vou
Estrada eu sou. "

Responder
avatar
Fabio
Autora
9 de janeiro de 2018 00:25 Apagar

Olá!
Adorei seu texto, consegui sentir como você passou por 2017. Pra mim ele foi bem difícil, com mais perdas que ganhos, mas é um incentivo pra fazer de 2018 melhor, né?!

Abraço!
Lupi Literatus

Responder
avatar
9 de janeiro de 2018 15:53 Apagar

Oii, eu sempre amo ler textos assim. Meu 2017 foi cheio de surpresas, boas e ruins. Que em 2018 tenhamos boas novidades e que todos nós possamos atingir nossas metas <3

www.pensadorageek.blogspot.com

Responder
avatar
Alice Martins
Autora
9 de janeiro de 2018 18:40 Apagar

Oi Joyce, tudo bem?

Eu adorei esse resumo que você fez do seu ano, deu para perceber que foi um ano muito agitado e cheio de coisas, umas boas e outras totalmente novas. Espero que 2018 seja ainda melhor e que todas aquelas metas que se colocou, possam realizar-se!

Beijos!

Responder
avatar
Andy Vieira
Autora
10 de janeiro de 2018 08:06 Apagar

Seu texto foi bem escrito, gostei muito. Que 2018 seja um ano ainda mais especial que o anterior e que possamos realizar muitas metas.
Abraços

Responder
avatar
10 de janeiro de 2018 21:24 Apagar

Oii, tudo bem?
Realmente 2017 foi O Ano, aconteceram muitas coisas na minha vida, ela virou de 8 pra 80. Eu comecei a faculdade, conheci novas pessoas e me afastei de outras, tudo faz parte da vida, mas espero que essas mudanças sejam pra melhor. Que venha 2018 e que seja ainda melhor que 2017.

Responder
avatar
2 de fevereiro de 2018 14:23 Apagar

Toda vez que paro para rever 2017 foi o melhor ano da minha vida,engravidei e só por isso ja valeu apena <3

Responder
avatar
11 de maio de 2018 02:58 Apagar

show!!!2018 Será realizador!BJS

Responder
avatar